13

Mastigação: O segredo para uma boa alimentação

Mastigação: O segredo para uma boa alimentação

Já parou para contar quantas vezes você mastiga os alimentos antes de engoli-lo? Sabia que o ideal é que se mastigue pelo menos 30 vezes antes de engolir os alimentos?

A mastigação é o segredo para uma boa alimentação e pode ser o caminho para perder peso. Quando se come sem pressa o centro da saciedade é estimulado enquanto você ainda esta ingerindo a sua refeição, evitando os excessos.

É fundamental para a nutrição mastigar os alimentos até que estejam completamente triturados e só depois engolir. Se os alimentos não forem bem triturados e chegam pedaços grandes ao estômago, aumentam o trabalho estômago. O resultado é uma digestão inadequada, azia, fermentações e gases. O nosso organismo leva de 15 a 20 minutos para avisar o cérebro de que está saciado.

Mastigando lentamente a sensação de saciedade inibindo a fome, ocorre antes que se consuma uma grande quantidade de alimentos.

Os dentes também saem ganhando com uma mastigação correta. As pessoas que têm refeições mais líquidas ou não mastigam corretamente os alimentos, deixam os dentes sem função e, com otempo, enfraquecem.

Comer devagar para não passar do primeiro prato

Engolir a comida sem uma devida mastigação é o melhor aliado para ganhar peso, pois ela serve como um medidor para a quantidade dealimentos que devemos ingerir.

Enquanto mastiga-se os alimentos o corpo vai recebendo avisos ese preparando quimicamente para a captação dos nutrientes. Depois de um certo tempo, o cérebro começa a dar sinais de saciedade.

Este tempo leva pelo menos 15 minutos.

A quantidade de alimentos ingeridos deve ser o suficiente para não encher totalmente o estômago. Desse modo, há espaço para os alimentos e o estômago movimentarem-se, permitindo a liberação dosuco gástrico responsável por parte do processo digestivo.

Quem come muito depressa , praticamente engolindo a comida sem mastigar só se sente satisfeito quando o estômago estiver bem cheio, dilatado e até mesmo dolorido. O resultado é que o estômago recebe pedaços grandes de comida, tem que trabalhar muito mais, causando problemas digestivos. Para completar, no final você terá ingerido bem mais que precisa e com o passar do tempo a balança mostrará o peso ganho.


Os magros comem mais devagar

Observe que boa parte dos magros costumam mastigar lentamente e bebem os líquidos aos pequenos goles. Já os mais gordos, normalmente, comem com mais velocidade, não mastigam direito e tomam muito mais líquido.

O intestino tem uma função que é a de selecionar o que deve ou não ser captado, quando o alimento é adequadamente mastigado, esta seleção se faz de forma mais apropriada. Caso contrário, os alimentos pouco mastigados são mal selecionados e o organismo absorve mais do que deveria. O resultado é o aumento de peso.

Outro fato que deve ser observado é que as pessoas com tendência a engordar em geral apresentam um defeito genético que propicia a produção de uma pequena molécula que ativa um neuropeptídeo chamado Y (NPY), que quando chega ao cérebro inibe a liberação do hormônio de crescimento. Nos adultos, este hormônio atua no metabolismo durante o sono. Por isso, que quanto maior a ativação de NPY, maior a vontade de comer doces à noite e menor a liberação de hormônio de crescimento.

As pessoas que mastigam mal os alimentos ou comem depressa apresentam uma maior liberação do NPY e, conseqüentemente, ganha mais peso com o passar do tempo.


Uma boa salada para você aprender a comer devagar

Um dos fatores que faz uma pessoa a comer depressa e sem mastigar corretamente é a ansiedade e a falta de tempo no dia-a-dia. Por isso, é melhor começar a mudar seus hábitos, ganhar mais saúde e, até quem sabe, perder peso.

Dicas para comer mais devagar:

- Descansar os talheres enquanto se está mastigando.

- Coma sempre na companhia de amigos , pois conversando demora-se um pouco mais para comer.

- A cada refeição ou lanche mastigue com calma , saboreando o alimentos até transformar o sólido em pastoso.

- Escolha o horário de suas refeições em que tenha mais tempo e alimente-se com calma. Mastigar os alimentos pode até ajudar a reduzir a ansiedade.

- Saia da mesa satisfeito , mas nunca com o estômago totalmente cheio.

- Comece sua refeição com uma boa salada de grãos e legumes, mastigando devagar e sentido o sabor de cada garfada. Assim, quando você for se servir do prato principal e da sobremesa que são mais calóricas o seu centro da saciedade está começou a ser ativado. O resultado você notará com o tempo. Experimente, vale a pena!.

Sugestões:
– Coma sempre sentado, com a coluna ereta e descontraído;
– Não coma quando se sentir irritado ou ansioso – respire profundamente antes de começar a refeição, acalme-se, ou vá dar uma volta para arejar.
– Não atenda o telefone quando estiver comendo.
– Tente mastigar pelo menos 30 vezes cada garfada e repouse os talheres entre cada uma; de forma a estimular bem os dentes e gengivas e ter uma boa digestão.
– Mastigue de forma espirálica, isto é, utilizando todos os dentes.
– Faça uma caminhada de dez minutos depois das refeições.

Treinar a mastigação em sete passos:
1. Na hora de comer, esqueça a pressa e relaxe. Se estiver estressada, monte seu prato e, antes da primeira garfada, respire bem fundo e lentamente três vezes.
2. Fotografe mentalmente o prato que está a sua frente.Preste atenção no aroma, na variedade e nas cores dos alimentos. E envie a mensagem “estou comendo” ao centro de controle da fome, que fica no cérebro.
3. Descanse os talheres ao lado do prato depois de cada garfada. Volte a segurá-los apenas quando o alimento, transformado em pasta, puder ser engolido.
4. Você não consegue engolir a comida antes de voltar a pegar os talheres? Então, repouse as mãos sobre as pernas durante a mastigação.
5. Coma uma salada de entrada. Enquanto você mastiga as verduras e os legumes, ganha tempo para que a mensagem de saciedade chegue ao cérebro e você não pense em repetir o prato quente.
6. Antes da salada, você pode comer uma fruta pequena. Essa estratégia aumenta a chance de a refeição demorar os 20 minutos necessários e, ainda, diminui o desejo por doce na sobremesa.
7. Incluir uma fonte de fibras – pode ser uma colher de sopa de farelo de aveia – na salada do almoço, na sopa do jantar e no iogurte ou na fruta do café da manhã também faz você mastigar mais vezes. Além disso, essas substâncias ajudam a diminuir os níveis de colesterol, aumentam a sa-ciedade e estimulam o bom funcionamento do intestino.

Considere essas dicas como um investimento à sua saúde e boa sorte!

FONTES: Labo e Shvoong

Fundadora do MagraEmergente.com, ex-obesa mórbida, tendo emagrecido mais de 85kg após cirurgia de redução de estômago e futura nutricionista.

13 Comentários para “Mastigação: O segredo para uma boa alimentação”
  1. Talita comentou:
    • JFabrício comentou:
  2. adriano fernandes comentou:
  3. gilso comentou:
  4. Wilson comentou:
  5. Patti comentou:
  6. Wagner comentou:
  7. Julianna comentou:
  8. Julianna comentou:
  9. Elcio comentou:
  10. Talita Nascimento comentou:
  11. Talita Nascimento comentou:
  12. Elisete Rodrigues comentou:

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *